segunda-feira, 16 de abril de 2007

Ainda to perdida!

Ainda to perdida...
Não sei o que faço pra tomar o rumo de minha vida!
Tudo era tão simples...
Tudo sempre foi tão claro!

Hoje vivo em meio a escuridão...
Como um disparo!
A coração...
Esqueça quem não te merece!
Isso mesmo vê se me esquece...

A vida...
Vê se me esquece!
Saudade...
Vá pra longe de mim!
Não, eu não quero mais...
Ser triste assim!

Agora escolho viver!
Viver a vida que me é permitida...
Chega de ficar iludida!
Não quero mais ficar escondida!
Tristeza você não é minha amiga!

Me diga...
Não sei mais o que sinto...
Estou em meio a um labirinto...
Perdi as mil maneiras que tinha pra sorir!
A como eu queria dormir...

Apenas dormir ...
No silêncio de um pobre coração!
Que esta a procura de uma nobre paixão...
A vida esses sentimentos vêem e vão...
E só me deixam solidão!
E em meio a isto estou perdida nesta imensidão!
Thays Lima
PS: Isso é porque o Paulo nem desconfia a importância que ele teve...

segunda-feira, 2 de abril de 2007

Hoje!

Hoje ao aqui entrar...
Deletei algumas coisas escritas que se referiam a um passado longínquo!
Pensando vi que certas coisas devem ficar enterradas com o passado!
Como alguns sentimentos também!
Sou hoje outra pessoa e tenho uma vida muito diferente do que tinha naquela época!
Alguns sentimentos prevaleceram com o tempo...
Mas quem me garante que estes sentimento amanhã existirão!
Isto não pode ser garantido...
As coisas mudam...
As pessoas passam!
Os sentimentos também podem passar!
Não sou quem eu era...
Minha vida anda muito melhor do que um dia já foi...
A única coisa que foi preciso pra me tornar feliz, foi desabafar!
Coloquei pra fora tudo aquilo que me encomodava!
Agora sigo em frente...
Vida nova...
Novas decisões...
E novíssimas atitudes...
Que com certeza nunca serão iguais as anteriores...
Hoje não choro mais...
Hoje vejo que o azul do céu iluminar meu caminho!
Hoje não sinto mais saudades...
Hoje apenas quero viver o Hoje!!
O resto que fique para depois!
Thays Lima

PS: hehe eu deletei nesse dia todos os poemas que eu tinha escrito para o Paulo, juntamente com os comentários dele neste espaço, Deletei também o meu primeiro blog (onde as vezes costumavamos a trocar versos), o meu primeiro fotolog eu tb deletei, só porque tinha comentário dele lá!
Sem contar o msn e o orkut, essa foi a última das mil vezes que o deletei!
Já percebeu né, eu realmente deleto as pessoas da minha vida quando elas me deixam com raiva!